domingo, 19 de fevereiro de 2017

RESUMO DO PROGRAMA TABIRA EM TEMPO N. 93




FRASE DA SEMANA

Quem não se movimenta, não sente as correntes que o prendem.

A POESIA DA SEMANA 

OS NAVIOS NÃO SÃO MAIS OS NEGREIROS,
OS ESCRAVOS TAMBÉM NÃO SÃO COMPRADOS.
MAS OS NOVOS SISTEMAS DISFARÇADOS 
CUSTAM O SANGUE DE MUITOS BRASILEIROS. 
CASA GRANDE INDA EXISTE, E OS FAZENDEIROS 
 
CONTINUAM PERVERSOS, SEMPRE VIS... 
PORQUE A PÁTRIA QUE TROCA OS SEUS "ZUMBIS"  
NUM MINISTRO ALEXANDRE DE MORAES  
 MICHEL TEMER SE TORNA O CAPATAZ  
 DAS SENZALAS MODERNAS DO PAÍS!

Dudu Morais
NO QUADRO QUEBRANDO TABU COM O PROF. JHOW VAMOS PERGUNTAR A ELE SOBRE ESSA FRASE QUE TEM VIÉS FASCISTA:

“Estado laico que nada, o Estado brasileiro é cristão, a minoria que se dane”. Jair Bolsonaro. 

Carnaval em SP: Bloco Soviético celebra centenário da Revolução Russa

Bloco Soviético nas ruas de São Paulo

REFLEXÃO POLÍTICA DO DIA

Os brasileiros não gostam de Temer

O ilegítimo Michel Temer nunca foi apreciado pelos brasileiros, como revelam as pesquisas de opinião desde o momento que o golpe midiático-judicial-parlamentar o levou à presidência da República, em maio de 2016.

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Blog apresenta nomes dos mais questionados pelo TCE no Sertão. E tenta responder: quem foi listado já é um “ficha-suja”?

A lista provisória de gestores públicos estaduais e municipais que tiveram suas contas rejeitadas pelo TCE nos últimos oito anos, entregue pelo Tribunal ao TRE trouxe algumas particularidades.
Dos nomes sertanejos, estão entre os recordistas de contas rejeitadas alguns de destaque na política regional. O recordista de processos no TCE é mesmo Carlos Evandro (Serra Talhada) com 10 ao todo. Com oito processos, Genival Araújo (Betânia), Dr Maninho (Triunfo), e Teógenes Lustosa (Santa Terezinha) seguem na sequência.

Luiz Manfredini: 1962, a vitória dos princípios



Reprodução
  
Há exatos cinco anos, quando em 18 de fevereiro de 2012 se comemoraram os 90 anos de existência do PCdoB e os 50 de sua reorganização, publiquei aqui no Vermelho um artigo que, por oportuno, vale reproduzir. 

Diário do Povo destaca democracia na eleição para Congresso do PCCh



Integrantes do Comitê Central do PCCh votam durante o 18º Congresso do partidoIntegrantes do Comitê Central do PCCh votam durante o 18º Congresso do partido
O artigo observa que a democracia intrapartidária e a observação rigorosa de regras eleitorais devem ser asseguradas, notando que esses esforços são importantes para garantir a representatividade dos delegados eleitos.

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Temer quer esconder: desemprego segura os preços e reduz a inflação



  
Temer disse isso para justificar que o desemprego não terá solução tão cedo. Segundo ele, não será com um "passe de mágica", mas "com o combate à recessão econômica", tentando surfar nos dados da “queda da inflação” para dizer que o país está no caminho certo. No entanto, para entrar nos trilhos de vez precisa aprovar o pacote de reformas que o seu governo encaminhou ao Congresso Nacional.

NÃO DURMAMOS EM BERÇO ESPLÊNDIDO

O "eu pressinto", em certas circunstâncias, é fundamental para não baixar a guarda e ficar dormindo em "berço esplêndido" aguardando o radiante futuro da redenção eleitoral. O raciocínio é meio básico: o golpe é profundo. Não se trata apenas da derrubada de um governo mas de todo um amplo conjunto de reformas voltadas para impulsionar a cumulação de capitais de uns poucos, porém poderosos setores da economia aqui instalada bem como da reorientação geopolítica do Brasil com Washington/Europa, a despeito das tresloucadas declarações de Trump. Ora, se o golpe e as reformas são - e tenho certeza disso! - estruturantes para o capitalismo, porque cargas d'água seus promotores e implementadores se arriscariam a devolver o controle de parte do Estado Nacional através de uma eleição "democrática" que possibilite o retorno das forças derrubadas, ou de algum outro projeto que se oponha ao que está em curso? Não conheço na história - e aí a história precisa entrar em campo - tomadas de poder com objetivos claramente econômicos, que tenham sido de curto prazo, preparando o terreno para devolvê-lo a quem o derrubou. Logo, sinceramente, ligar o desconfiômetro é mais do que necessário. Altair Freitas

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

As 10 vitórias de Maduro na Venezuela


Por Ignacio Ramonet, no site da Fundação Maurício Grabois:

No início de 2016, tudo parecia complexo para as autoridades de Caracas. E isto principalmente por três motivos:
  
1) A oposição neoliberal havia vencido as eleições em dezembro de 2015 e controlava a Assembleia Nacional;

2) A queda do preço do petróleo, o principal recurso da Venezuela, atingia o seu nível mais baixo desde há décadas;

Crise e metamorfoses do capitalismo neoliberal (2)


Sergio Barroso *

No artigo anterior repassamos informes (pessimistas) dos principais organismos “multilaterais” a serviço do sistema monetário internacional atual, comandado ainda pelo dólar imperialista dos EUA, quanto à retomada concreta da economia mundial, sufocada em crise devastadora desde 2007-8.


A propósito da falta de resolução da grande crise capitalista atual e seus horizontes turvos, recente manifestação do economista Stanley Fischer - notório sionista e vice-presidente do Fed (Banco Central os EUA) - não deixa margem de dúvida sobre a decadência estrutural da economia dos EUA.

De que a questão de sua recuperação é muito mais problemática do que imaginam os poucos apologistas que restam – exceção feita ao caso dos economistas-jumentos brasileiros.

Crise e metamorfoses do capitalismo neoliberal


Sergio Barroso *

Segundo o último relatório da OCDE, a economia mundial “se manteve numa fase de baixo crescimento decepcionante que afetará as expectativas e tenderá como consequência um debilitamento do comércio, do investimento, a produtividade e os salários”. 

Estratégia e tática além do manual


Eron Bezerra *

Nos momentos de grande tensão a sociedade tende a bipolaridade e a reproduzir esse padrão comportamental em todas as suas relações sociais.


Assim foi no auge da guerra fria com a polarização entre o bloco socialista x e o bloco capitalista; na grande guerra com o antagonismo entre "aliados" e nazi/fascistas; durante a ditadura militar no contraponto entre liberdade e repressão e, agora, obviamente, não poderia deixar de ter a polaridade entre golpistas e não golpistas.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

PCdoB Recife avança na formação da militância comunista


segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Sistema de Incentivo à Cultura de Pernambuco é aprimorado



Artes/JC
 Veja as principais mudanças propostas no Projeto de Lei Veja as principais mudanças propostas no Projeto de Lei
De acordo com o secretário de Cultura do Estado, Marcelino Granja, o fortalecimento do Funcultura é um dos principais aspectos do texto. Além do piso de R$ 36 milhões, os valores para cada edital também ficam definidos por lei: 49% para o Geral; 29% para o Audiovisual; 13% para Música; 2% para a modalidade Microprojeto Cultural e 7% para o Governamental.

Dia sem mulher: mundo se prepara para uma greve internacional feminina



AP
Manifestante na Marcha das Mulheres, em janeiroManifestante na Marcha das Mulheres, em janeiro
Mulheres de outros 30 países também planejam fazer a greve, prevendo um histórico Dia da Mulher. Grupos feministas da Austrália, Bolívia, Brasil, Chile, Costa Rica, República Checa, Equador, Inglaterra, França, Alemanha, Guatemala, Honduras, Islândia, Irlanda do Norte, Irlanda, Israel, Itália, México, Nicarágua, Peru, Polônia, Rússia, El Salvador, Escócia, Coreia do Sul, Suécia, Togo, Turquia, Uruguai e EUA confirmaram a convocatória que tem o objetivo de deixar escritórios, lojas, fábricas ou qualquer trabalho sem a presença do sexo feminino para protestar contra as desigualdades de gênero e a violência machista.

As mudanças na Suécia após jornada de trabalho ser reduzida a 6 horas



Divulgação
Após jornada reduzida, índices de produtividade se mantiveram e até aumentaram e a população trabalha mais satisfeitaApós jornada reduzida, índices de produtividade se mantiveram e até aumentaram e a população trabalha mais satisfeita
Passado um ano, as autoridades garantem que o saldo é totalmente positivo: redução de faltas, maior produtividade e melhora até mesmo na saúde dos empregados. “Tivemos 40 anos de uma semana de trabalho de 40 horas. Hoje temos uma sociedade com índices mais altos de faltas por motivos de saúde e de aposentadoria antecipada”, afirma Daniel Bernmar, líder do Partido da Esquerda na Câmara Municipal de Gotemburgo, responsável pelo experimento. Daniel espera em breve instituir oficialmente a nova carga.

domingo, 12 de fevereiro de 2017

Socialismo e comunismo, modo de uso: manual didático



  
Bom, parece que segundo matéria recente publicada no Globo, o capitalismo deu muito certo. Pelo menos para as 85 pessoas mais ricas do mundo ou cerca de 1% da população. Segundo a pesquisa citada, essa elite de 85 pessoas acumula a mesma riqueza que os 3,5 bilhões mais pobres do planeta. A matéria afirma ainda que cerca de 1% da população detém a metade da riqueza mundial. Sendo assim, minha pergunta também pode ser feita de outro modo: se é que o capitalismo deu certo, deu certo pra quem?

Aprovação da Reforma do Ensino Médio é golpe contra a juventude



Mídia Ninja
  
Quero aqui expressar algumas breves impressões sobre o texto aprovado, sobre o qual a Apeoesp produzirá uma análise mais profunda.

Amplamente rejeitada pelos estudantes, profissionais da educação, no meio acadêmico, entre estudiosos da educação e pela sociedade (consulta pública do Senado apontou 73.454 pessoas contra e apenas 4.545 favoráveis), a reforma do ensino médio foi imposta na forma de Medida Provisória – cuja tramitação é acelerada – para evitar o amplo debate. Tanto assim, que o Ministério Público Federal a considerou inconstitucional. A maioria governista do Congresso Nacional, porém, manteve sua fidelidade ao golpe e a aprovou.

RESUMO DO PROGRAMA TABIRA EM TEMPO N. 92

Foto do Ato Público.

PENSAMENTO  DA SEMANA:

Doria e Trump são o MESMO LADO da moeda. Achavam que iam governar como dirigem seus negócios. Negócio privado é ditadura do dono. Demite e contrata quem bem entende. Faz com a empresa o que bem entende sem oposição. Dirigir o Estado é completamente diferente. Tem que negociar o tempo todo. Mesmo nas ditaduras porque ninguém dirige Estado sozinho. Doria e Trump começam a ter chiliques. É só o começo. E ainda vou rir muito. Altair Freitas - SP
Dedé Rodrigues

NO QUADRO DA SEMANA QUEBRANDO TABU COM O PROF. JHOW
VAMOS DISCUTIR A FRASE DA SEMANA:
“Quando dou comida aos pobres chamam-me  de santo. Quando pergunto porque eles são pobres chamam-me de comunista”. Dom Helder Câmara.
Vagner: Qual é o significado dessa frase Prof. Jhow?
POESIA DA SEMANA


O momento é de luta
De força e de união
Diga não ao retrocesso
Que vai matar a nação.
Que Deus do céu nos proteja
E a palavra de ordem seja
Pura indignação. 

Geneci Cristóvão. 

ATENÇÃO PARA AS NOTÍCIAS DE DESTAQUES DA SEMANA EM TABIRA E REGIÃO

Por Dedé Rodrigues

 O Ato Público ocorrido no dia 08 de fevereiro de 2017, convocado pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Tabira lotou a Câmara de Vereadores. Presentes representantes dos sindicatos rurais da região, associações urbanas e rurais, conselhos, cooperativa de crédito, vereadores, representante da Fetape,  agentes comunitários de Saúde, representante da CUT e membros do governo municipal de Tabira. Descrevo a seguir parte dos discursos dos presentes, mas a minha reflexão sobre o tema será feita no programa de domingo. Fonte: Blog Tabira Notícias.
2.    UM GRANDE PÚBLICO TESTEMUNHOU A INAUGURAÇÃO DA ESCOLA DONA TOINHA

sábado, 11 de fevereiro de 2017

Leninismo, tática e política


Sergio Barroso *

Nos debates sobre a tática durante o III Congresso da Internacional Comunista, Lênin [1] ataca duramente as teses encabeçadas pelo italiano Umberto Terracini. Na medida em que este propunha também substituir “princípios” por “objetivos”, Lênin o identifica com as concepções anarquistas, acrescentando que os objetivos até poderiam convergir comunistas e eles, mas quanto aos princípios “nunca. Muito obrigado, não iremos nisso! ”, exclama ele. 


Lênin então – desavisadamente - nos dá uma insuperável lição gnosiológica de categorias fundamentais à compreensão da ciência política dos comunistas.

Crise no ES e pancadaria no RJ são amostras do Brasil pós-golpe?



  
No Rio de Janeiro, a Polícia Militar novamente disparou bombas contra funcionários públicos que protestavam contra o pacote de reajuste fiscal do governo do Rio de Janeiro. Do lado dos servidores, coquetéis molotov e fogos foram lançados.

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Efeito Lava Jato: Reduzida à metade, Odebrecht já demitiu 50 mil



  
De acordo com reportagem da Folha de S.Paulo, a Odebrecht Engenharia e Construção – principal fonte de recurso do grupo ao qual faz parte – demitiu mais de 50% dos 107 mil trabalhadores que possuía. Segundo projeção da própria empresa (os resultados ainda não foram fechados), seu faturamento também despencou em 2016, com uma queda de 57% na comparação com 2014.

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Caos no Espírito Santo: Presidente de Sindicato é morto a tiros



GABRIEL LORDELLO EFE
  
O corpo do sindicalista foi localizado por volta das 7h da manhã, em Vila Velha, na região metropolitana de Vitória, onde morava. Segundo Bastos, ele trabalhava como cobrador para a viação Sanremo.

Golpe derrubou investimentos da indústria: pior resultado em 6 anos



  
De acordo com a pesquisa Investimentos na Indústria, divulgada pela CNI, No ano de 2016, apenas 40% das empresas que planejavam investir realizaram investimentos conforme planejado. Esse percentual é o menor desde o início da série, em 2010, quando a realização de investimentos como o planejado ocorreu em 65% das empresas.

Grécia se nega a cumprir exigências do FMI



Emblema do Fundo Monetário Internacional na sede da organização em WashingtonEmblema do Fundo Monetário Internacional na sede da organização em Washington
Na coletiva semanal de imprensa do Governo, o porta-voz Dimitris Tsanakópulos confirmou que seu país implementa os compromissos do programa de resgate e não cederá perante as imposições do FMI.

Temer indica Moraes ao STF para salvar a própria pele, diz Grazziotin


Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado
  

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Aumenta o número de crianças desnutridas na Argentina em 2016



Divulgação
As principais crianças atingidas pela desnutrição são indígenasAs principais crianças atingidas pela desnutrição são indígenas
É o caso da província de Salta, no Norte do país, onde o índice de 1,4% de desnutrição em 2015 subiu para 1,7% em 2016. O município mais afetado é San Antonio de Los Cobres, que sofreu um aumento de 7,1% no índice de crianças desnutridas. Em seguida está Hipólito Yrigoyen, com 4,2% de aumento e Angastaco, com 3,9%. 

A grande crise da previdência privada no mundo



  
Os lobistas das aposentadorias privadas passam toda a vida anunciando a iminente crise do modelo público. E agora que os recursos das aposentadorias atingiram níveis mínimos, o que ameaça de fato entrar em erupção são os sistemas privados. Em todo o mundo.

Mobilização do povo e unidade ampla para derrotar o governo golpista


José Reinaldo Carvalho *

Com as eleições às mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, a designação das lideranças da coalizão governista nas duas casas e a nomeação de mais um membro da cúpula tucana para o núcleo político do Planalto, o regime do golpe completa o alinhamento das suas fileiras para dar continuidade à brutal ofensiva antinacional e antipopular no início do ano político de 2017.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Renato Rabelo ministra palestra "O Brasil tem saída" na UFMG



Renato Rabelo ministra palestra "O Brasil tem saída" na UFMGRenato Rabelo ministra palestra "O Brasil tem saída" na UFMG
Renato Rabelo, presidente da Fundação Maurício Grabois e ex-presidente do PCdoB, destacou que no cenário internacional, a novidade mais importante é que os países que vão ascendo ao centro da geopolítica e da geoeconomia são oriundos da periferia, como a China, a Índia, o retorno da Rússia e, até pouco tempo, o Brasil.